Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

justbymartawahnon

justbymartawahnon

Just take a look around... Tokyo

“Just” take a look around… Tokyo
 
Nesta vida se há algo que me dá prazer, que me tira o sono, que me faz sentir uma criança, é uma viagem!
Pode ser ao Alentejo, ao Gerês (ainda por conhecer) como ao outro lado do mundo, viajar é para mim o maior vício, paixão, investimento que posso fazer!
 
Não existe nada mais atraente, apelativo, excitante que pisar em terra desconhecida, respirar novos cheiros, sentir novos ares, cruzar com outras pessoas e culturas, descobrir novas gastronomias, conhecer novas histórias, pegar num mapa e ir … Simplesmente deixar-se ir. Esquecer o relógio, o telefone e entregar-se aos encantos de um novo mundo, onde a língua materna por muito difícil que seja, é substituída pela empatia.
 
Deixo-vos aqui algumas dicas de uns dias passados em Tóquio, Novembro 2013. Foi uma grande viagem, presente dos meus sogros pelos 40 anos do Nuno, foi o presente da Vida! Veja por si, acho que as imagens já dizem o bastante!:)
 
Foi a primeira vez que fui ao Oriente e a experiência começou logo no avião, com uma viagem na Emirates em 1ª Classe! Que maravilha, é daquelas coisas que só se vê nos filmes e quando nos vimos neles confesso que é difícil adormecer mesmo com uma viagem de 20h pela frente!
 
 
Fizemos escala no Dubai, aeroporto que também não conhecia e 2h depois, seguimos rumo a Tóquio.
Chegámos à capital do Japão pelas 17h e com muito frio atrás!

 

Uma cidade de contrastes é o que posso dizer! Saímos do aeroporto e havia cubículos assustadores para fumadores, ou seja, fumar na rua nem pensar, mas assim que entramos no carro, o motorista perguntou se queríamos fumar! 
 
O mesmo acontece em restaurantes, sejam grandes ou pequenos, a verdade é que na rua não se pode fumar mas já dentro dos espaços comercias, é permitido!
 
Ficamos no Park Hyatt que por sinal, é conhecido por um famoso restaurante no último andar,52º! Apesar de estarmos todos trocados, não perdemos a oportunidade e fomos jantar e ver a vista soberba que fez jus à fama do espaço!
 

Tokio1.png

Em Tóquio tudo é imenso! As ruas são gigantes, os carros são um desfile a passearem pelas avenidas, as montras das lojas são de um tamanho e qualidade indescritível, os shoppings são ao que apelidei de “Museus para turista pobre”, traduzindo, a entrada é gratuita, tudo o que lá encontramos, para além de ser o último grito, não é nada abaixo de Valentino e/ou Prada, ou seja, algo completamente fora da minha carteira, falo por mim claro, mas são locais onde a criatividade é palavra de ordem!
 
Quando refiro que é uma cidade de extremos, incluo o próprio povo; estão a ver aqueles desenhos animados onde os miúdos têm sempre uns cabelos de todas as cores menos as dos comuns mortais e uns penteados, se é que se pode usar esse termo sem ofender algum profissional da área? Enquanto passeávamos pelas ruas sem destino, (melhor coisa das férias), comentava com o Nuno, que aquele país, ou melhor, cidade, deveria ter uma taxa de consumo absurdo de produtos para o cabelo e sobretudo com incidência nos homens! As mulheres com que nos cruzamos também arriscavam mas nada que se compare com "degradés" azuis, gel em crista laranja e rapado de um lado ou frisado do outro já de outra cor! Detalhe, chamam-lhe a cidade do futuro… Pergunto-me se será um futuro assim tão recente ao ponto de pensar na minha filha com aqueles looks e kits de roupa que também não ficam nada atrás! 
É um povo muito virado para si, apesar de “viverem” sob uma imagem da cultura americana; blusões, bonés, Nike, ah e a minha querida Forever 21, se não fosse ela, não tinha comprado uma coisinha sequer nesta cidade! ;)

fotografia 3 (3).JPG

 
"Salva" pela Forever 21! So Happy!
 
Um silêncio aterrador! É verdade, foi preciso ir a zona mais “barulhenta” da cidade, Cruzamento de Shibuya, para rir, correr e ninguém olhar para nós como se fossemos alguns “freaks”, sim porque nós europeus ou americanos, aos olhos dos orientais, somos uns verdadeiros “macacos”, sobretudo os homens! É para rir, é que é mesmo!

Tokio2.png 

 
Cruzamento de Shibuya. Aqui sim, até nos divertimos
 com a dificuldade em tirar uma fotografia
devido às multidões!
 
Viajar é isto mesmo, rir, surpreender-nos com coisas que achamos que só acontecem na nossa “santa terrinha”, conhecer, descobrir novos hábitos e costumes como andarem numa acelera a cair de podre e ao lado nos semáforos um Bentley, três Astin Martin e por aí adiante, um clássico em Tóquio.
 
É uma cidade muito cara mas gira de se conhecer. Tens jardins lindos, onde nos perdemos, esquecemos onde estamos, que horas são e ficamos ali a apreciar a natureza no coração da cidade! Eles têm esse cuidado com as zonas verdes e são várias!

Tokio3.png

Atrás mencionei que era também uma cidade gira, isto porque lembrei-me de um dia que fomos almoçar a uma cave, literalmente falando e conhecemos um egípcio que adora aquele país e segundo, Omar, o egípcio, é um povo que quando abre as portas é para a vida e é muito fiel. O almoço foi muito simpático, o sushi uma maravilha mas nem vos digo o valor por pessoa, um escândalo! Mas temos, ou pelo menos eu, uso sempre aquela eterna desculpa, “são férias!”.
 
Se algum dia pensarem viajar até Tóquio deixo-vos aqui alguns items relevantes.
- Inglês: Não falam nem uma palavra, o melhor é comprar um cartão local e um router portátil, anda sempre connosco, assim orienta-nos e mesmo nos táxis, sabemos se estamos a fazer os caminhos correctos ou não. Compensa!
- Táxi: Caro! Sempre que usar, tente fazer o trajecto do passeio de forma a aproveitar ao máximo. Ou então, podemos sempre ser imaginativos e arranjar um Kart como este Japa!

IMG_9267.JPG

 
 
Locais a não perder:
- Jardim do Palácio Imperial
- Complexo Tokyo Midtown/Roppongi – Centro com jardim, lojas, cafés, restaurantes.
- Cruzamento Shibuya
- Shinjuku Goyen – National Garden
 
Almoçar ou Jantar:
                - Sawada Sushi (Fecha à 2ªF. e reservar com 2 semanas de antecedência)
                - Mizutani Sushi – Ginza/Tokyo
                - Ukai-Tei – Óptimas vieiras na chapa
 
Hotel: Park Hyatt Tokyo – Shinjuku – Tokyo

 
“Because” travelling’s learning! Enjoy it!